Morar com os pais é bem bacana, mas quem casa quer casa. Onde você vai receber a família para um almoço de domingo depois de voltar da lua de mel? E os parentes que vem de longe só para visitar os pombinhos? Todo mundo vai para um hotel ou você vai oferecer a sua casa nova para se hospedarem?

Você pode optar por alugar ou comprar um imóvel. O importante é ter um teto!

Ao alugar você tem maior mobilidade, se caso não gostar do bairro onde mora ou mudou de emprego e está ficando fora de mão, você pode procurar facilmente outro lugar que atenda as suas necessidades. O custo de manutenção também é menor, visto que reformas e consertos obrigatórios são de responsabilidade do proprietário e não do inquilino. Pelo fato de muitas vezes o valor do aluguel ser menor do que o valor de uma prestação de financiamento, você consegue pagar as parcelas do seu consórcio sem pesar no seu bolso. E sem contar que a espera é menor, o imóvel já está pronto, não corre o risco de a construtora atrasar a entrega e nem acontecer outros imprevistos.

Ao comprar, você tem um bem, começa a construir um patrimônio, que dependendo do local que está localizado e das reformas que serão feitas pode ter valorização ao longo dos anos e caso precise se mudar você pode colocar o imóvel para alugar.

Alugando ou comprando, o ideal é que você pense, analise e, principalmente, veja  quais são as suas necessidades.

Lembrando que para qualquer um dos dois, o Consórcio Luiza está sempre ao seu lado para dar aquela forcinha para você realizar o seu sonho.

Acesse www.consorcioluiza.com.br e verifique o plano que mais atende a sua necessidade, ajudando você a ter um local para morar sem gastar muito!

Se for casar com casa que você quer, é do Consórcio Luiza que você precisa.