Um pouco de aventura não faz mal para ninguém, não é mesmo?
Por isso,  dessa vez o Consórcio Luiza inovou aqui no blog e separou algumas dicas e toques para você viver novas emoções praticando esportes radicais.

Rapel
Quem tem medo de altura, acho que vai pedir para pular esta. O rapel nada mais é do que a descida com cordas de lugares altos, vale paredões de pedra, cachoeiras e até montanhas. Antes de virar esporte radical, o rapel foi utilizado por pesquisadores para explorar grutas e cavernas, contribuindo assim com a formação de conhecimento sobre o ecossistema de diversos lugares do mundo.


Rafting
Um esporte refrescante, porém extremamente radical. Tudo se baseia em um rio com corredeiras bastante turbulentas, um barco inflável, coletes, remos, capacete e muita adrenalina.

Salto de paraquedas
O vento no rosto e uma velocidade que pode atingir até 200Km/h. Isso é a queda livre ou o salto de paraquedas. Sendo considerado um dos esportes que mais ganham adeptos pelo mundo, o paraquedismo é um dos meios mais próximos que o homem encontrou de voar.

Bang jump
Um elástico preso às pernas, uma boa altura e um passinho para frente. É nisso que consiste o Bang jump, que virou febre em muitos países. Dizem que a sensação de queda livre e o movimento elástico que o equipamento proporciona mexem com a gente de um jeito único.

Agora que  você já conhece um pouquinho mais desses esportes,  é só escolher qual a sua coragem permite e boa aventura. Mas lembre-se sempre que, em cada um, a segurança precisa estar acima de tudo. Use os equipamentos de proteção adequados e nunca abra mão da ajuda de um profissional.

Que tal falar de outro tipo de emoção? Falamos agora daquela que enche o coração de alegria e te dá uma sensação de sonho realizado. Para isso, você só precisa de uma coisa: de uma carta de crédito do Consórcio Luiza.

Dê uma passadinha no site www.consorcioluiza.com.br e confira as condições especiais que estão por lá.