Já estamos na segunda metade do ano e você ainda não começou “aquele” plano para sair do vermelho? Calma que essa realidade atinge a maioria das pessoas e tem solução!

A saúde financeira é um tema que está em alta, mas ainda é polêmico para a maioria das pessoas. Por isso separamos alguns passos que vão te ajudar a se livrar das dívidas e começar 2020 no azul.

Identificar o problema

Para começar a conversa sobre sair do vermelho, precisamos identificar quais são as dívidas e entender o motivo de ter entrado nessa situação. Muitas vezes entramos em dívidas por fatores externos, gastos extras como um conserto de carro, saúde ou imprevistos. Mas existem também aqueles endividados que entram na pior por falta de controle financeiro e nesse caso é muito importante tomar consciência do seu limite mensal de gastos.

Definir prazos

Com os valores em mãos, o próximo passo é definir prazos para a quitação. E aqui entra aquela conversa sobre o seu orçamento mensal. Tome muito cuidado ao definir um valor, ele não pode ultrapassar 20% do seu orçamento mensal.

Uma boa dica é lembrar da regra do 50-30-20, onde 50% do que você recebe é destinado para necessidades, ou seja, moradia, alimentação e transporte. Outros 30% vão para lazer: cinema, viagens, restaurante. E por último, mas não menos importante, 20% são destinados às dividas ou investimentos.

Renegociar as dívidas

Sabendo quanto é 20% do seu orçamento total, fica mais fácil conversar com os negociadores de crédito. As empresas de cobrança costumam oferecer condições melhores de negociação quando a proposta vem do devedor. Mas fique atento aos juros, negociações muito longas costumam ser acrescidas de juros maiores.

Controle financeiro

Identifiquei, defini meu orçamento e renegociei. E agora? Como fazer para não cair no vermelho novamente? Resposta: anote tudo e organize! Criar uma planilha de controle financeiro pode ser a solução para os seus problemas. Na internet existem vários modelos prontos para download que podem te ajudar a ter controle e consciência de como está a sua saúde financeira.

Além das planilhas, vários apps como o Otto são ótimos para os que não sabem nem por onde começar. O assistente financeiro Otto conversa com você e identifica seus gastos e problemas, ajuda a lembrar do vencimento das contas e oferece soluções para as principais perguntas de juros e rendimentos. Vale a pena conferir!

Criar metas

Agora que você já tem tudo sobre controle, está na hora de definir metas. Quanto você ainda tem para investir? Pensar a longo prazo é uma ótima solução para quem já está com a saúde financeira em dia e não quer passar perrengue no futuro.

E se você ainda não sabe onde investir, que tal considerar o consórcio como opção? Converse com um de nossos especialistas em qualquer loja do Magazine Luiza, através do televendas no 0800 940 3400 ou simule no site.